Professora usa quebra-cabeças chinês para ensinar formas geométricas

Professora usa quebra-cabeças chinês para ensinar formas geométricas

O jogo incentiva a resolução de problemas

Com as aulas a distância como fazer algo inovador? Buscando essa resposta, a professora de matemática, do Colégio Estadual Prof. Vitor José de Araújo, Khetlin Cibelli, decidiu utilizar o Tangram, um quebra-cabeça geométrico chinês, para ensinar as formar geométricas.

O quebra-cabeça contém 7 peças, sendo: 2 triângulos grandes, 1 triângulo médio, 2 triângulos pequenos, 1 quadrado e 1 paralelogramo. O objetivo é formar imagens com as peças, por exemplo, animais, pessoas ou objetos.

“Com essa atividade, os alunos desenvolvem a criatividade, o raciocínio, a concepção e a visualização das figuras geométricas relacionadas”, afirma a professora. Ela relata que o resultado foi uma surpresa. Os estudantes usaram a imaginação para colorir e personalizar o próprio Tangram.

Khetlin explica que, para incentivar os alunos, elabora atividades diversificadas, com uso de jogos, poemas e músicas. “Comigo fica a satisfação de dever cumprido como educadora”, pontua. Ela ministra aulas para turmas de ensino fundamental II.

Alessandra Victória de Jesus Rocha

Alessandra Victória de Jesus Rocha

Deixe uma resposta