Governador de Goiás entrega certificados a alunos que brilharam na OLP

Governador de Goiás entrega certificados a alunos que brilharam na OLP

Estudantes receberam diploma de ‘Honra ao Mérito’ por conquistarem medalhas na Olimpíada de Língua Portuguesa (OLP) 

 

Alunos da rede estadual de ensino que conquistaram medalhas de prata na 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa (OLP) ‘Escrevendo o Futuro’ receberam certificados de Honra ao Mérito entregues nesta segunda-feira (16/12) pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado, durante cerimônia de repasse de equipamentos a escolas estaduais e do lançamento do Programa de Recurso Estadual de Fomento à Organização, Reforma, Modernização e Adequação da Rede (ReFormar Goiás), realizada no auditório da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), em Goiânia.

 

Na ocasião, Caiado exaltou o feito dos seis estudantes goianos, que, juntamente com seus professores, foram premiados em quatro gêneros da Olimpíada – Artigo de Opinião, Crônica, Documentário e Memórias Literárias. O governador ressaltou a importância da valorização do aluno que é referência na dedicação aos estudos. “São essas crianças que estão aqui sentadas que eu tenho de reverenciar. Que dizer a vocês: Meus Parabéns! Vocês merecem todo o aplauso e o reconhecimento do governador. Eu gostaria de ter vocês em milhares de salas de aula em nosso Estado de Goiás”, enalteceu.

 

 

Falando em nome de todos os medalhistas da rede estadual de ensino, o estudante Gilberto Gonçalves Gomes Filho, da 3ª série do Ensino Médio do Colégio Estadual Jalles Machado (Goianésia), destacou a felicidade de fazer parte do grupo, ressaltando que o resultado da Olimpíada comprova a qualidade do ensino em Goiás. “É muito bom saber que o Estado, nossas autoridades e a sociedade civil reconhecem nossa importância. Estivemos em São Paulo representando o Estado na final e pudemos ver como Goiás é excelência quando se trata de Educação”, disse.

 

Gilberto ganhou a prata com o Artigo de Opinião intitulado ‘(Des) interiorização do ensino superior: redução de gastos ou ampliação da desigualdade?’. Ele teve a orientação da professora de Língua Portuguesa Patrícia Nara da  Fonsêca Carvalho.

 

Embora seja estreante na OLP, o estudante coleciona medalhas em competições nacionais e internacionais de Língua Portuguesa, Matemática, Informática, Física, Astronomia e Astronáutica. Para ele, o tema da OLP – ‘O Lugar Onde Vivo’ – permitiu uma reflexão sobre os problemas locais e regionais das comunidades onde vivem.  “Meu tema foi muito bem recebido pela Olimpíada e eu gostaria de reiterar aqui a importância da universidade pública, da Universidade Estadual e da Educação. Tenho certeza de que esse governo vai continuar valorizando a educação, os professores e o Ensino Médio.  Assim, o Estado de Goiás só tem a crescer”, reforçou.

 

Demais medalhistas 

 

Além do estudante de Goianésia, foram finalistas na OLP a aluna Vitória Lima Gonçalves, do 7º ano da Escola Estadual de Tempo Integral (EETI) Cunha Bastos, de Rio Verde, que competiu na categoria Memórias Literárias juntamente com sua professora de Português, Viviane dos Santos da Silva Rêgo. Elas disputaram com o texto intitulado ‘Das Telas à Vida Real’.

 

Já em Crônica, Adriely Stefany Ferreira de Lima, do 8º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Vila Nova, de Brazabrantes, ganhou a prata ao lado da professora Cristiane Silva Ferreira, que orientou a produção textual ‘Haja Tampa de Dedo!!’.

 

A rede estadual de ensino também conquistou o segundo lugar na disputa de vídeo com os estudantes Mell Ribeiro Souza, Tarick Gabriel Almeida de Morais e Gabrielle Carrijo Barbosa. Eles, que são do Colégio Estadual Alfredo Nasser, de Santa Rita do Araguaia, concorreram com o Documentário ‘Um Reino a Meus Olhos’, e tiveram a orientação da professora Thaís da Silva Macedo.

 

Sobre a Olimpíada

 

A Olimpíada é realizada pelo Ministério da Educação (MEC) em parceria com a Fundação Itaú Social e tem coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec). O concurso tem como objetivo apoiar professores da rede pública na melhoria das práticas de ensino e no desempenho dos alunos em leitura e escrita.

 

Participaram da Olimpíada estudantes do 5º ano do Ensino Fundamental à 3ª série do Ensino Médio. A 6ª edição da OLP teve 8.274 inscrições de Goiás. Em todo o Brasil, foram alcançadas 42.086 escolas.

 

 

Da esquerda para a direita: Os medalhistas em Documentário Gabrielle, Mell e Tarick; Adriely, finalista em Crônica; e Gilberto, prata em Artigo de Opinião

Maria Jose

Maria Jose

Deixe uma resposta