Estudante do Ensino Fundamental dedica seu tempo para ajudar a avó, aluna da EJA, a fazer suas lições, durante aulas não presenciais

Estudante do Ensino Fundamental dedica seu tempo para ajudar a avó, aluna da EJA, a fazer suas lições, durante aulas não presenciais

Os profissionais da educação da Coordenação Regional de Morrinhos têm se desdobrado neste momento de isolamento social, seguindo todas as orientações da equipe da CRE para atender, da melhor forma possível, os alunos.

Os gestores, com o apoio das equipes pedagógicas ds rede estadual e do município de Caldas Novas, estão orientando os profissionais no sentido de motivarem seus alunos a continuarem os estudos, mesmo à distância.
Esta semana, a professora Sueli Ferreira da Silva Menezes, que dá aulas para o ensino regular e para a Educação de Jovens e Adultos (EJA), na Escola Estadual Osmundo Gonzaga Filho, teve uma surpresa e ficou orgulhosa ao ver o seu trabalho no desenvolvimento das competências socioemocionais dar bons frutos.

Professor da vovó
O aluno Mateus Eduardo Santos Silva, do 5º ano do Ensino Fundamental, deu um belo exemplo de empatia ao tirar um tempo para ajudar a avó, Elenice dos Santos, aluna da EJA, a fazer as lições escolares.

O estudante aproveitou as explicações de sua professora Sueli, que também leciona para a turma de sua avó. Elenice, aluna do 4º semestre do primeiro segmento da EJA, quando criança, não teve a oportunidade de se dedicar aos estudos, pois tinha que trabalhar para ajudar os pais.

Segundo a professora Sueli, a avó de Mateus é muito esforçada e quer muito melhorar sua leitura e escrita. E para retribuir a dedicação de Elenice, a professora não mede esforços.

Uma das mais recentes estratégias de Sueli foi criar um grupo de WhatsApp para manter contato diário com os alunos das turmas de ensino regular e da EJA.

Neste grupo, além de compartilhar mensagens motivacionais, a professora envia atividades, vídeoaulas e faz até chamadas de vídeo. Por meio destas ferramentas, ela explica as tarefas, tira dúvidas e corrige as atividades de leitura, interpretação, produção textual e de cálculos matemáticos.

Marcley Rodrigues de Matos

Marcley Rodrigues de Matos

Deixe uma resposta